On

Rihanna lança seu perfume: Reb’l Fleur



Confesso que só tive olhos para este vestido de poá! cute cute

#Batom vermelho vivo da MakeB do OBoticário um luxo!


Lá estou eu toda feliz comprando presente surpresa para o namorido.
Qdo de repente sou apresentada a esse deslumbre!
Já viram né?!
 A Cor é Vermelho Vivo! Linda linda linda!
Um glamour.
R$ 20 e pouquinho dinheirinhos

Casamento Real-O Amor romântico ainda sobrevive

William e Catherine, agora duque e duquesa de Cambridge,



Flick http://www.officialroyalwedding2011.org/

Férias Graças a Deus!


Momores a martika aqui finalmente está de férias.

Passar 30 dias longe do meu trabalho não tem preço. 

Ontem em pleno casamento real estava á 06:00hs trabalhando. Não vi nada e acordei hoje correndo para ver tudo no youtube. 
Estou muito cansada o último mês, parece que pensaram assim: -Vixe a Marta tira férias em maio, vamos matar ela  de trabalhar em abril vamos kkkk
Emagreci horrores, uma correria.
Mas como sou cearense e não desisto nunca, ainda espero colher algum fruto disso.
Afinal mammy sempre diz: o que é seu está guardado!
Eu prefiro acreditar que esconderam mesmo(kkk).

Com algumas coisas a resolver e muito cansaço, aos pouco recuperarei o fôlego.
Volto dia 02/06 :0(

mas dia 03/06 tem festa uh lálá!


Piriguetismo Fashion Cuidado...cenas fortes (kkk)


O desfile aconteceu ontem (dia 25), no Shopping Maraponga Mart Moda, aqui em Fortaleza... Andressa Soares e Adriana Bombom mostraram sensualidade(???) pela grife @busada




 Piriguetismo Fashion
Morecas o pior :
as meninas correndo para ter uma peça dessas cruzees!

Outro dia entrei na loja Absoluta nunca pensei que haveria uma outra marca para superar o mal gosto ...

50's Principais tendências: vestidos de festa

Glamour

Principais tendências: vestidos de festa

 

Nos anos 1950, os bailes de debutantes e festas de casamento eram ocasiões aguardadíssimas, que demandavam meses e até anos de preparação. Os lindos modelos com saias amplas e tecidos luxuosos do período são raridades atualmente.

matéria de ELIS MARTINI do site http://modaspot.abril.com.br/

Oiê! um conselho



Hoje compartilhei junto com uma amiga "virtual" alguns de nossos problemas e não me canso de repetir:


paramos para refletir sobre nossos erros principalmente sobre nossa falta de acertos; tentamos fazer o melhor, dar o melhor de nós , só que para os outros né ?

Ai cobramos todo mundo.

Sendo que a gente estar onde a gente se põe.

Entendeu o que quero dizer?

Sabe vivo num ambiente muito hostil e me senti incompetente e menosprezada por muito tempo, há dois anos venho me impondo de uma forma inteligente(sem bater boca) a vida nos favorece muito, não entendemos os recados mais sempre temos uma saída. Por medo de errar ou de ferir, acostumamos os outros a considerar as aparências mais importantes.É necessário ter coragem de assumir sua realidade.

Assuma sua capacidade, vc é um ser ilimitado
uma semana super produtiva!

Cheiro da amiga cearense
@martikavictor

Cerimônia de casamento de Kate Middleton e Príncipe William


Gente estou toda romântica com essa estória de casamento de príncipe e princesa.
Como somos envolvidos em tudo que se trata de contos de  fadas. Resolvi postar sobre o tema hoje;
Infelizmente A lista de 1.900 convidados não inclui meu nome  kkkk

Mas já estou por dentro de tudo....
*****************************
As agendas dos membros da família real no dia da cerimônia, que acontece no dia 29 de abril, na Abadia de Westminster, em Londres.
Se tudo acontecer como há 30 anos, no casamento do príncipe Charles com Lady Di, o primeiro beijo real deve ocorrer por volta de 13h25 (horário de Londres), quando os noivos e a Rainha aparecerem na sacada. 
As informações são do Ego.

Confira os horários:
Entre 8h15 e 9h45: Congregação geral chega à porta norte da Abadia de Westminster.

A partir das 9h50: Governadores-gerais, primeiros-ministros, o corpo diplomático e outros convidados ilustres chegam à Abadia.

Às 10h10: O padrinho do noivo e príncipe de Gales, Harry, deixa a Clarence House e segue para a Abadia. Ele deve chegar no local por volta das 10h15.


Às 10h20: Membros das famílias reais estrangeiras chegam ao local da cerimônia, a Abadia de Westminster, saídos do Palácio de Buckingham. Também às 10h20, a mãe, Carole, e o irmão, James, de Kate deixam o hotel Goring e se dirigem para a Abadia de Westminster.

Às 10h25: Alguns dos membros da família real deixam o Palácio de Buckingham e vão para a Abadia de Westminster.

Às 10h27: Carole Middleton e James Middleton chegam à Abadia de Westminster.


Às 10h35: Os membros da família real que ainda não tinham deixado o Palácio de Buckingham se dirigem para o local da cerimônia. São eles:

- A princesa Royal e vice-almirante Timothy Laurence
- O Duque de York
- A Princesa Eugenie de York
- A Princesa Beatrice de York
- O conde e a condessa de Wessex

Às 10h38:  Príncipe Charles e sua esposa, Camilla Parker Bowles, a duquesa de Cornwall, deixam a Clarence House e se dirigem à Abadia de Westminster. Chegada prevista para às 10h42.

Às 10h40: A rainha e o duque de Edimburgo deixam o Palácio de Buckingham para a Abadia de Westminster. Chegada prevista para às 10h45.

Às 10h48: As damas de honra e os pajens deixam o hotel Goring e seguem para a Abadia de Westminster. Chegada prevista para às 10h55.

Às 10h51: Kate Middleton, a noiva, acompanhada por seu pai, Michael Middleton, segue para a Abadia de Westminster.

Às 11h: Começa a cerimônia de casamento, que será transmitida por alto-falantes.

Às 12h: Termina a cerimônia e os noivos são levados de carruagem para o Palácio de Buckingham.

Às 12h30: Os noivos chegam ao Palácio de Buckingham.

Às 12h40: Os membros da família real inglesa e também das famílias reais estrangeira chegam ao Palácio de Buckingham.

A partir das 12h40: Os outros convidados da festa chegam ao Palácio de Buckingham.

Às 13h25: A rainha, a noiva e o noivo aparecem na sacada.

Às 13h30: Força Aérea Real homenageia os noivos.


Pinup Collection-conheçam os #esmaltes da Orly

A a Orly lança  a coleção para o verão 2011, foi toda inspirada na atitude e no espírito livre das principais ícones pin-ups.

Cheias de charme, ousadia e sensualidade!

A Pinup Collection tem 4 cores vivas!
Na ordem: Coquette Cutie, Bubbly Bombshell, Va Va Voom e Here Comes Trouble. Detalhe: o Bubbly Bombshell e o Here Comes Trouble .
Senti falta de um vermelho bem característico das pin ups ....
à venda na loja virtual da Orly, por U$ 7,50 cada.

PARTIDA E CHEGADA para superar a perda de entes queridos

PARTIDA E CHEGADA 



Quando observamos, da praia, um veleiro a afastar-se da costa,

navegando mar adentro, impelido pela brisa matinal,

estamos diante de um espetáculo de beleza rara.


O barco, impulsionado pela força dos ventos,

vai ganhando o mar azul e nos parece cada vez menor.


Não demora muito e só podemos contemplar

 um pequeno ponto branco na linha remota e indecisa,

onde o mar e o céu se encontram.


Quem observa o veleiro sumir na linha do horizonte,

certamente exclamará: "já se foi". Terá sumido? Evaporado?


Não, certamente.
Apenas o perdemos de vista.

O barco continua do mesmo tamanho e com a mesma

capacidade que tinha quando estava próximo de nós.


Continua tão capaz quanto antes

de levar ao porto de destino as cargas recebidas.

 

O veleiro não evaporou,

apenas não o podemos mais ver.


Mas ele continua o mesmo.
E talvez, no exato instante em que alguém diz: já se foi",

haverá outras vozes, mais além, a afirmar: "lá vem o veleiro".


Assim é a morte.


Quando o veleiro parte, levando a preciosa carga de um amor

que nos foi caro, e o vemos sumir na linha que separa o visível

do invisível dizemos: "já se foi". Terá sumido? Evaporado?


Não, certamente.

Apenas o perdemos de vista.

O ser que amamos continua o mesmo.

Sua capacidade mental não se perdeu.

 

Suas conquistas seguem intactas,

da mesma forma que quando estava ao nosso lado.

 Conserva o mesmo afeto que nutria por nós.
 Nada se perde, a não ser o corpo físico de que não mais

necessita no outro lado.


E é assim que, no mesmo instante em que dizemos: já se foi",

no mais além, outro alguém dirá feliz: "já está chegando".


Chegou ao destino levando consigo as aquisições feitas

durante a viagem terrena.


A vida jamais se interrompe nem oferece mudanças

espetaculares, pois a natureza não dá saltos.

Cada um leva sua carga de vícios e virtudes, de afetos e desafetos,

até que se resolva por desfazer-se do que julgar desnecessário.


A vida é feita de partidas e chegadas.

De idas e vindas.


Assim, o que para uns parece ser a partida,

para outros é a chegada.


Um dia partimos do mundo espiritual na direção do mundo físico;

noutro partimos daqui para o espiritual, num constante ir e vir,

como viajores da imortalidade que somos todos nós.

Alessandra Ambrosio encarna pin up super sexy

Top brasileira estrela editorial para "La Mode Française"

 Reprodução 

no site da revista quem o texto diz: Alessandra Ambrosio encarnou uma pin up super sexy para a edição de primavera da revista "La Mode Française". Nas imagens, divulgadas esta semana,
*************************
 Question  da martika: Isso é pin up?
 Reprodução

Elegante e vistosa, a pele de marta faz sucesso no mundo inteiro . Uhlahlah


Pesquisando  para o Blog @pinupdobrasil descobri que nos anos 50 usavam-se muito pele de Marta.
Carissímo.... agora eu entendo quando querem tirar literalmente minha pele kkkkk
Sabiam disso ?

  • O pelo da marta, além de casacos de pele, é usado para confeccionar pincéis utilizados pelos desenhistas de mangá por causa da durabilidade e porque ficam bem unidos uns aos outros, resultando num traço bem mais elaborado.
  •   Eles se alimentam de outros animais como coelhos kkk o sobrenome do namorido é Coelho kkk
  • toda "perua" (ou similar) tinha que ter um casaco de pele e o mais valorizado eram os feitos com pele de marta. 
  • Um fator que ajuda os caçadores a dizimar a espécie é que as martas são fáceis de capturar: basta um chamariz que lhe atice a curiosidade e pronto! 
Deixando claro que sou literalmente contra a matanças de animais viu!

@martikavictor
***********************************************************

 Encontrei na revista època o texto Salvem as martas eu amei!

Ilustração: Rodrigo Pereira
A pele de marta é uma das mais procuradas do mundo, por sua leveza e seu toque sedoso. No universo das peles, só o vison (com o qual é freqüentemente confundida) é mais valorizado. Isso talvez explique essa temporada de súbito interesse por pele de marta - sobretudo em São Paulo, mas também em Brasília.
Apesar de não entender xongas de política ambiental ou mesmo de zoologia, esta coluna não foge a seu compromisso histórico de trazer informações precisas para que o leitor possa analisar todos os acontecimentos à luz da Ciência.
Pois muito bem. A marta (Martes martes) é um pequeno mamífero carnívoro, da família dos mustelídeos. Originalmente é... castanha. De maneira geral ostenta uma mecha alaranjada no pescoço, o que faz com que ela passe essa impressão de queixo empinado.
A marta é muitas vezes confundida com algumas de suas primas próximas, como a fuinha (Martes foina) e a doninha (Mustela nivalis). Nada a ver. Uma marta não se rebaixa às atividades corriqueiras da fuinha, como caçar ratazanas e surrupiar ovos de galinheiros. Além do mais, de acordo com o site português Naturlink.pt, a marta "desloca-se de uma maneira mais esbelta, elegante e altiva do que a fuinha".
Existe uma crença erroneamente disseminada segundo a qual as martas teriam uma queda por túneis, passagens subterrâneas e buracos em geral. Não é verdade. Isso é com as doninhas, acredite. As doninhas é que têm mania de entrar nas tocas de suas presas para caçar - muitas vezes ficando por lá mesmo e usando o buraco como abrigo e quartel-general. As martas, não: as martas gostam mesmo é de transitar por cima, pulando entre as copas das árvores.
No Brasil, e especialmente em São Paulo, as pessoas costumam dar uma atenção exagerada aos hábitos de acasalamento das martas. Esta coluna se recusa a fornecer dados que alimentem essa discussão. Este é um texto científico, não um programa de fofocas na TV.
A marta gosta de viver em florestas, e definitivamente não se dá bem em áreas urbanas. Depois do desmatamento, a maior ameaça a sua sobrevivência são os atropelamentos. Vasculhei a internet, mas não consegui apurar o peso dos ônibus e outros meios de transporte coletivo nessa estatística.
A pele mais valorizada é a da marta-zibelina russa (Martes zibellina). No varejo, o preço de um casaquinho alcança fácil US$ 16 mil, enquanto um casacão pode chegar a 150 mil verdinhas. Elegante e vistosa, a pele de marta faz sucesso em países do mundo inteiro onde haja inverno rigoroso - como é o caso, na América do Sul, da Argentina.
A caça às martas é ilegal em diversos territórios, a começar pela própria Rússia. Por isso, se você souber de quaisquer atos de crueldade, perseguições, campanhas, entrevistas ou artigos contra as martas, pode procurar a ajuda de ONGs dedicadas ao fim do uso de peles. A maior delas é a Peta (www.peta.org).
Em tempo: não, não há martas no Zoológico de São Paulo. 

Cintura fina marcou os anos 50

Décadas de Moda – Anos 1950

http://modaspot.abril.com.br

Principais tendências: New Look

A criação de Christian Dior consagrou-se como marco da década. Milhares de mulheres do mundo inteiro aguardavam ansiosamente pelos últimos números das revistas de moda para copiar os modelos da luxuosa maison de Paris. As peças mais elaboradas usavam até vinte metros de tecido, revelando a exuberância e o gosto pelo luxo dessa época.

A Moda dos Anos 1950

Moda – Anos 1950  blog http://pinupsfrombrasil.blogspot.com/

Anos 1950

Marilyn representou o luxo da década.
Marilyn representou o luxo da década.
 

matéria de ELIS MARTINI do site http://modaspot.abril.com.br/
 
Com o fim da Segunda Guerra Mundial e da contenção de uso de tecido, o mundo – e principalmente as mulheres – estava sedentos por um pouco de luxo. Christian Dior contrariou a estética austera e sóbria da época e apresentou, em 1947, uma novidade que se tornaria referência durante toda a década de 1950: o New Look. O tailleur Bar, com casaqueto de cintura fina e formas arredondadas lembrando uma tulipa, e a saia ampla, com metros e metros de tecido, tinham inspiração no século 19 e colocaram a Dior entre as grifes mais desejadas da época, ao lado de Chanel, Balenciaga, Givenchy e Balmain, entre outros. No Brasil, os grandes costureiros estavam apenas começando. Faziam sucesso mesmo duas maisons: a Casa Canadá, no Rio de Janeiro, e a Madame Rosita, em São Paulo. No Rio, a Fábrica de Tecidos Bangu impulsionava o mercado com um concurso de beleza, o Miss Bangu. Foi também o começo do boom da indústria têxtil por aqui. Instalada no Brasil desde 1919, a Rhoda lança, em 1955, os primeiros fios e fibras de náilon, que introduziriam as roupas numa era high tech. Outro ponto importante: em 1958, começa a Feira Internacional da Indústria Têxtil, a Fenit. No embalo dos bons ventos do setor, em 1952, a Editora Abril lança a revista CAPRICHO e, em 1959, MANEQUIM.

O romantismo moderno

DIVULGAÇÃO WIECK/DIVULGAÇÃO DIVULGAÇÃO DILVULGAÇÃO
Década do consumo desenfreado e do american way of life, os anos 1950 trouxeram muitas das inovações que nos acompanham até hoje. Aparelhos de TV faziam sucesso nos Estados Unidos e começavam a pipocar no Brasil. O cinema vivia sua melhor época. De Gene Kelly a Elvis Presley, passando por James Dean e divas como Rita Hayworth e Ava Gardner, Hollywood ditava moda e padrões de beleza que se tornaram icônicos. Aparelhos domésticos revolucionavam o dia a dia das donas de casa, enquanto para os homens, o carro era o símbolo de status definitivo: quanto maior, melhor.





Glamour do dia

Principais tendências: vestidos de festa

Nos anos 1950, os bailes de debutantes e festas de casamento eram ocasiões aguardadíssimas, que demandavam meses e até anos de preparação. Os lindos modelos com saias amplas e tecidos luxuosos do período são raridades atualmente.



Voltar ao topo